02 julho 2012

Queda

As cobranças sempre serão feitas.
As coisas nunca podem melhorar.
O mundo é um desastre.
E eu só faço parte dele.

A perfeição não existe,
mas posso alcançá-la.
Sou minha própria heroína,
mas não sou campeã,
sou uma fraca.

Acordo com o despertar da ignorância,
porém amanhã será outro dia.
Postado por Thalia Melo

7 comentários:

Érika Santos ♥ disse...

Amanhã é outro dia mesmo!
meio melancólico seu texto néé! mais eu adoreiiii

bjos querida
Formulas Padrões do Coração
Curta a FanPage

Pabline disse...

*.*
Gostei bastante. Principalmente esse final... Amanhã será outro dia...
Parabéns. Achei muito interessante os antagônicos que vc usou. Impossível mais possível ao mesmo tempo. Gostei dessa brincadeira com as palavras.

Bjão!

-Amigas Entre Livros-

Wagner Noya disse...

sem dúvidas amanhã será diferente. adorei principalmente o final. fantástico. adorei mesmo. bjão
>> http://estilo4u.blogspot.com.br/

Julia G disse...

Gostei bastante do texto também, enfrenta uma realidade com a qual nos deparamos todos os dias mas nem sempre temos coragem de encarar de olhos abertos.

Beijos

Thalia Melo disse...

Obrigada, esse poema foi escrito quando li Garotas de Vidro , também. Não iria publicá-lo, porém algo me fez postar. O livro é realmente muito bom e ao mesmo tempo chocante, na verdade escrevi mais de dez poemas sobre ele. Quem não viu o outro poema sobre livro, o seu título é Frieza.

Gabi Lopes disse...

Parabéns Thalia,
gostei da parte "sou minha própria heroina"
Concordo que cada um é o autor da própria história!

Abraços
Gabi Lopes
sonhosaventuras.blogspot.com

Matheus Souza disse...

Oi Thalia!

Amei o novo layout e a poesia também!

Até mais! *Hugs*

Se puder, acessa lá:

— Blog Bobagens & Livros / — Blog da Minha Série de Livros

Vou adorar a sua visita! *_*

— Matheus Goulart

Postar um comentário