11 julho 2012

{Top 5} Ringo Starr

No último sábado, 7 de Julho, Richard Starkey completou 72 anos e com objetivo de homenagear, decidi fazer esse post contando um pouco mais sobre a história de um dos melhores bateristas do mundo!

Richard Starkey nasceu em Liverpool, Inglaterra, em 7 de Julho de 1940. Quando pequeno, ele passava muito tempo doente, por isso seus pais morriam de medo de perder o menino muito cedo. Porém, mais tarde, Ringo começou a trabalhar e entrou na banda Rory Storm And The Hurricanes, também da Inglaterra. Até 1962, ano em que foi chamado para substituir Pete Best  e começar seu sucesso em uma das maiores bandas que já existiram: The Beatles. Com o final da banda em 1970, Ringo desenvolveu uma grande carreira individual e lançou 15 albúns. Ringo pode até ser o Beatle menos lembrado e menos querido, mas suas músicas são muito boas e por isso, com muito esforço e arrependimento de ter deixado algumas faixas de fora, consegui fazer um Top 5 das músicas solo de Ringo:

1º It Don't Come Easy (1971)
Logo depois da separação dos Beatles, Ringo marcou sua carreira solo com esse primeiro sucesso. A música também oferece um solo de guitarra maravilhoso de George Harrison.

2º Photograph (1973)
Photograph é uma cancão linda, é sobre a perda de alguém querido e teve a colaboração de George Harrison, também.

3º Peace Dream (2010)

A música é bem bonita, fala sobre a paz mundial e traz várias referências ao John Lennon. Além de ter como baixista e vocal de apoio, Paul McCartney.

4º You're 16 (You're Beautiful & you're mine) (1973)



5º Oh My My (1973)



"Dizem que não toco muito bem, mas sou o baterista da melhor banda do mundo... Logo, sou o maior baterista do mundo!" Ringo Starr

Dizem por aí que o Ringo não tem talento, se isso não é talento eu realmente não sei o que é isso. Recomendo a todos que gostam de uma boa música e que curtem o "ritmo dos anos 60". Como o Ringo não é muito conhecido (comparado aos outros Beatles: Paul e John), resolvi fazer um Top 5 com algumas curiosidades sobre ele:

No final dos anos 80, Ringo começou o projeto All Starr Band, uma banda liderada por ele e que reunia outros artistas importantes, como Roger Hogdson (ex-Supertramp), Levon Helm (ex-The Band) e Colin Hay (Men At Work) que saíam em turnês e tocavam músicas dele e também dos outros astros.

2º  O apelido "Ringo" surgiu porque ele sempre usava vários anéis, "ring" em inglês.

Entre os integrantes dos Beatles, Ringo era o que tinha a personalidade mais calma e possuía um estilo tranquilo, também era vegetariano, assim como Paul.

Ringo mudou a forma como os bateristas seguravam as baquetas e também iniciou a tendência de colocar os bateristas elevados no palco, assim eles seriam tão visíveis quanto os outros músicos.

Quando os Beatles se separaram, John Lennon escolheu Ringo para tocar bateria no seu primeiro disco solo.


"Ringo é Ringo. E ele é engraçado e gentil, como parece. Ele era simplesmente o coração dos Beatles."  John Lennon
Postado por Ana!

8 comentários:

Garota do Livro disse...

Adorei o seu post, e essa ultima foto é muito diva *o*
Muito obrigada por visitar meu blog, tem post novo lá.
Um beijo.
http://livrodagarota.blogspot.com.br/

Wagner Noya disse...

Nossa bem legal, confesso que nunca ouvi ele, mas adorei kkk super show *-* vou baixar alguns cds dele com certeza.
bjão
>> >> http://estilo4u.blogspot.com.br/2012/07/nova-parceira-do-blog-sideway.html

Portifolio das Letras - Juliana Martinelli disse...

eu nao consigo gostar de beatles

@littlepistols
http://portifoliodasletras.blogspot.com.br/

Julia G disse...

Ei Ana, eu gosto das músicas dos beatles e também conheço algumas do Ringo, apesar de não ser tão fã. São gostosinhas de ouvir e, independente, ele mereço respeito pela história que fez.

Beijos

Juliana Bittencourt disse...

Que legal! Vou confessar que não conhecia ela, mas gostei de ouvir as músicas que você selecionou.

http://relembrandosonhos.blogspot.com.br/

Amanda Cristina disse...

Realmente, Ana, se Ringo Starr não tem talento, eu não sei o que é isso! Hahaha
Adorei as músicas que você selecionou. Dessas, a que mais gosto é a Peace Dream! :)
A quarta curiosidade é muito interessante, né? Hahaha :)

Isabelly Campos disse...

Passei aqui pra
dizer só um OI Mesmo flor!! chau

http://senhorita-simpatiia.blogspot.com.br/

Lu Tazinazzo disse...

Acho que o Ringo é um caso à parte porque ele estava envolto dos 3 músicos mais geniais já existentes, e não se impunha tanto quanto os outros. Mas liderança nada tem a ver com talento, só acho que era difícil para as pessoas entenderem que o ritmo de Ringo era menos acelerado. Quanto à talento, acho um absurdo alguém questionar a capacidade de Ringo. São pessoas que se atêm apenas a boatos.

Beijão

Lu Tazinazzo
http://aceitaumleite.blogspot.com.br

Postar um comentário